Ministro paraguaio chama argentinos e brasileiros de "desavergonhados"

A Argentina chamou de volta seu embaixador em Assunção depois que o ministro de Justiça e Trabalho do Paraguai chamou de "desavergonhados" argentinos e brasileiros. O chanceler argentino, Rafael Bielsa, ordenou o regresso imediato do embaixador Félix Córdoba Noyano a Buenos Aires em resposta a declarações que o ministro paraguaio José Burró fez a um jornal paraguaio. "Nenhum curepí (argentino) nem bandeirante (brasileiro) vai ensinar moral (aos paraguaios). Bando de desavergonhados", afirmou Burró ao responder a um pedido do Brasil por segurança jurídica para continuar atuando no Paraguai. Este é o primeiro conflito diplomático em muitos anos entre Argentina e Paraguai, membros do Mercosul, ao lado de Brasil e Uruguai.

Agencia Estado,

30 Julho 2003 | 21h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.