Mísseis deixam 14 mortos e atingem base militar no Iraque

Mais de 30 ficaram feridos e podem haver mais vítimas sob os escombros

Agencia Estado

02 Julho 2007 | 19h16

Mísseis lançados contra Diwanita - a 180 quilômetros ao sul de Bagdá - e contra a base Echo das forças multinacionais, vizinha à cidade, deixaram ao menos 14 iraquianos mortos e mais de 30 feridos nesta segunda-feira, 2.Os ataques em Diwaniya causaram danos em oito casas no bairro de Jumhuri e em uma ampla zona da periferia, disseram fontes de segurança citadas pela agência local Nina, que afirmou ser possível que existam mais vítimas sob os escombros.Na manhã desta segunda, ao menos 30 mísseis foram lançados contra a base Echo, dando origem a vários incêndios. Até o momento, não foi divulgada a existência de mortos ou feridos entre os militares das forças multinacionais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.