Míssil atinge helicóptero no Iraque e mata 15 americanos

O Exército dos Estados Unidos confirmou a morte de pelo menos 15 soldados e 21 feridos na queda de um helicóptero abatido ao sul Fallujah (a 70 km a oeste de Bagdá). Os feridos foram levados para hospitais e no local as autoridades procuram por mais sobreviventes, afirmou uma fonte. O helicóptero que transportava mais de 30 pessoas, modelo Chinook, foi atingido por um míssil.O helicóptero dirigia-se, em formação com um segundo aparelho, para o aeroporto internacional de Bagdá e transportava algumas dezenas de soldados que iriam iniciar um período de licença fora do Iraque, quando foi atingido e caiu em um campo de milho a oeste da capital iraquiana, segundo a agência Lusa.Testemunhas afirmam ter visto dois mísseis disparados contra o helicóptero, que caiu perto da localidade de Hasi, oito quilómetros a sul de Fallujah, cidade tida como um centro de resistência dos muçulmanos sunitas à ocupação anglo-norte- americana. Habitantes de localidades próximas exibiam pedaços do helicóptero e, na vizinha cidade de Fallujah, algumas pessoas celebraram o ataque nas ruas.No dia mais violento para as tropas americanas no Iraque, testemunhas disseram que entre quatro e cinco soldados também morreram hoje em ataques em terra em diversas partes da região central do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.