Míssil iraquiano passa perto de avião dos EUA

Um míssil lançado na quarta-feira pelas baterias antiaéreas iraquianas quase atingiu um avião de espionagem U-2 dos EUA, que patrulhava a zona de exclusão aérea no sul do Iraque, informou ontem o Pentágono. A ação preocupou os EUA porque normalmente Bagdá só dispara contra aviões de combate. Ontem, o presidente George W. Bush disse que manterá a pressão sobre o regime do ditador iraquiano, Saddam Hussein.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.