MNI corrige: Presidente do Chipre segue reunido c/Troica

O presidente do Chipre, Nicos Anastasíades, está reunido no início da noite deste domingo em Bruxelas (hora local) com representantes da troica de credores formada Comissão Europeia, Banco Central Europeu (BCE) e Fundo Monetário Internacional (FMI). Os participantes discutem um pacote definitivo de resgate à ilha mediterrânea.

RICARDO GOZZI, Agência Estado

24 de março de 2013 | 17h17

Segundo fontes, Anastasíades estaria resistindo à possibilidade de o Banco do Chipre arcar com a injeção de 9 bilhões de euros em liquidez emergencial no insolvente Banco Popular. De acordo com a emissora cipriota de televisão Antenna, Anastasíades teria ameaçado renunciar e convocar novas eleições.

Uma reunião de ministros de Finanças da zona do euro (Eurogrupo) sobre a situação do Chipre deveria ter começado às 14h (de Brasília), mas continuava em suspenso quase três horas depois devido à antecipação de conversas entre Anastasíades e autoridades da troica.

O encontro entre os líderes da troica e Anastasíades é um último esforço para se chegar a um acordo de resgate de 10 bilhões de euros (US$ 12,98 bilhões) para o Chipre, depois de o Parlamento cipriota ter descartado uma proposta anterior na semana passada. As informações são da MNI.

Tudo o que sabemos sobre:
Chipretroica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.