Monti anuncia coalizão para disputar eleições

O primeiro-ministro italiano, Mario Monti (foto), que renunciou na semana passada após ter perdido o apoio da coalizão de Silvio Berlusconi, afirmou ontem que vai liderar uma aliança de partidos centristas, composta ainda por empresários e lideranças pró-Vaticano, para disputar as eleições parlamentares antecipadas para os dias 24 e 25 de fevereiro. O líder não afirmou se tentará retomar o posto de premiê, mas disse que o nome de sua coalizão será "Agenda Monti para Itália".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.