Monti renunciará o cargo de primeiro-ministro da Itália

O primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, vai renunciar o cargo, segundo informou hoje a presidência, horas após Silvio Berlusconi afirmar que vai concorrer novamente ao cargo nas eleições de março do ano que vem.

AE, Agência Estado

08 de dezembro de 2012 | 19h13

"Monti não acredita ser possível continuar seu mandato, e consequentemente deixou clara sua intenção de apresentar sua renúncia", disse o comunicado do escritório do presidente italiano, Giorgio Napolitano, acrescentando que Monti pretende deixar o cargo assim que o Parlamento aprovar o orçamento para o ano que vem.

O presidente se reuniu com Monti por quase duas horas neste sábado, no palácio presidencial em Roma. As informações são da Dow Jones e da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ItáliarenúnciaMario Monti

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.