Monti volta à Itália após terremoto e ataque a escola

Primeiro-ministro da Itália está nos Estados Unidos para reunião da Otan

DOW JONES / AE,

20 Maio 2012 | 16h42

Roma, 20 - O primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, vai encurtar a viagem aos Estados Unidos, onde participa da reunião de cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

Monti voltará à Itália para acompanhar a situação depois de um ataque a uma escola no sul do país e do forte terremoto que atingiu no início deste domingo a região de Bolonha, no norte italiano. Os dois incidentes deixaram mortos e feridos.

"Em virtude dos graves eventos dos quais estamos cientes, ele participará do primeiro dia de trabalho (da cúpula da Otan, em Chicago) e deixará o ministro de Relações Exteriores, Giulio Terzi, para representá-lo no segundo dia", disse uma porta-voz. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Itália terremoto ataque Monti

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.