Morales e Correa felicitam Chávez por vitória na eleição

Opositor Henrique Capriles também parabenizou o adversário pela vitória

Agência Estado

08 de outubro de 2012 | 02h53

Texto atualizado às 07h34

LA PAZ - Os líderes da Bolívia e do Equador felicitaram o presidente venezuelano Hugo Chávez por sua reeleição no domingo, 7, dizendo que foi uma vitória não só para ele, mas também para seus aliados latino-americanos. O opositor Henrique Capriles também parabenizou o adversário pela vitória.

"A vitória do presidente Chávez é uma vitória para a democracia", disse Evo Morales, na Bolívia. "Não é apenas um triunfo para o povo da Venezuela. É uma vitória para a aliança bolivariana e toda a América Latina", acrescentou. O novo mandato presidencial de Chávez é um triunfo para "todos os povos latino-americanos que lutam por soberania, dignidade e direito de determinar seu próprio destino", completou o presidente boliviano.

Veja fotos:

Suas palavras foram ecoadas pelo presidente do Equador Rafael Correa, outro aliado regional de esquerda. "Viva a Venezuela, viva a grande pátria, viva a Revolução Bolivariana!", twittou o líder equatoriano.

Oposição

No comitê de campanha de Capriles, o clima era de tristeza. O candidato oposicionista reconheceu a derrota e deu os parabéns ao adversário. "Quero felicitar o candidato, o presidente da República", disse Capriles. A oposição agora vai ter de se reagrupar para as eleições estaduais, em dezembro.

Vitória

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, foi reeleito ontem, pela terceira vez, com 54,42% dos votos, ante 44,97% do opositor, com 90% das urnas apuradas, informou o Conselho Nacional Eleitoral (CNE). Chávez obteve mais de 7,4 milhões de votos, batendo Capriles por mais de 1,2 milhão de votos.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.