Morre aos 76 anos o escritor John Updike

O escritor norte-americano John Updike, novelista que venceu o prêmio Pulitzer, morreu hoje, aos 76 anos de idade. Updike foi um dos primeiros cronistas a abordar de maneira direta na literatura americana, no pós-guerra, o sexo, o divórcio e a vida da classe média. Updike, morador de Beverly Hills, Massachusetts, morreu de câncer no pulmão, de acordo com comunicado do seu editor, Alfred A. Knopf.Um escritor cujos livros estavam frequentemente na lista dos mais vendidos, Updike escreveu novelas, contos, poemas, críticas, ensaios e um livro de memórias. Updike publicou mais de 50 livros em uma carreira que começou na década de 1950. Ele conquistou dois prêmios Pulitzer. A obra mais conhecida de Updike é a tetralogia Rabbit (Coelho), formada pelos romances "Coelho Corre"; "Coelho em Crise"; "Coelho Cresce"; e "Coelho Cai".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.