Morre aos 94 anos o bilionário Laurance Rockefeller

Laurance Rockefeller, conservacionista, filantrópico e líder no moderno negócio do capital de risco, morreu dormindo na manhã deste domingo. Ele tinha 94 anos. A causa de sua morte foi fibrose pulmonar, informou seu porta-voz Fraser Seitel.Rockefeller era o n.º 377 na lista das maiores fortunas divulgada este ano pela revista Forbes, num total de 587 bilionários. Mas talvez ele fosse mais conhecido por sua atuação como ambientalista: ele serviu cinco presidentes como conselheiro em inúmeras questões de conservação ambiental. Fundou a American Conservation Association, em 1958, e dirigiu a organização conservacionista Jackson Hole Preserve Inc. Era o quarto dos seis filhos de John D. Rockefeller, o magnata que fundou a Standard Oil e estabeleceu sua família no tradicional ramo do petróleo. Laurance investiu parte desta fortuna no desenvolvimento da aviação e mais do que isso, foi o pivô no incentivo da moderna economia do capital de risco. "Como seu irmão mais novo, eu sempre admirei Laurance por sua extraordinária habilidade para negócios e frequentemente seguia seus ensinamentos no campo do capital de risco, do qual ele foi um verdadeiro pioneiro", disse David Rockefeller, o último filho remanescente de John D.Rockefeller Jr.Laurance Spelman Rockefeller nasceu em 26 de maio de 1910, em Nova York, e era o quarto de seis filhos de Rockefeller Jr. e Abby Aldrich Rockefeller. Ele estudou na Universidade de Princeton em 1932, e estudou dois anos de Direito em Harvard. Casou-se em 1934, com Mary French, que morreu em 1997. Serviu na marinha durante a 2.ª Guerra Mundial. Rockefeller foi do conselho do Memorial Sloan-Kettering Cancer Center e tornou-se o primeiro a receber o prêmio Alfred P. Sloan, da American Cancer Society por sua contribuição para as pesquisas contra o câncer. Rockefeller deixa quatro filhos, oito netos e 12 bisnetos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.