Morre líder do movimento de independência de Angola

Eduardo Macedo dos Santos, líder do Movimento pela Libertação de Angola (MPLA), precursor da independência do país, morreu nesta sexta-feira após uma longa enfermidade, informou a embaixada de Angola em Lisboa. Ele tinha 76 anos. Dos Santos foi um dos fundadores do MPLA, de tendência marxista, em 1956. Cumpriu importante papel na luta do país africano contra o domínio colonial português, que se encerrou em 1975. Cardiologista de profissão, Dos Santos foi médico pessoal de Agostinho Neto, o primeiro presidente de Angola, e ocupou cargos importantes no setor de saúde. Ele deixa mulher e dois filhos adotivos e seu corpo será enterrado em Angola.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.