Morre o ex-ditador de Uganda, Idi Amin Dada

O ex-ditador de Uganda entre 1971 e 1979, Idi Amin Dada, morreu na noite desta sexta-feira na Arábia Saudita, país onde estava exilado desde de sua queda do poder. O ex-ditador, um dos mais sanguinários da história da humanidade, faleceu em decorrência de complicações renais, enquanto dormia na clínica saudita onde estava hospitalizado já há algumas semanas. Idi Amin Dada tinha 78 anos de idade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.