Morre Séphane Hessel, autor de 'Indignai-vos'

O intelectual francês Stéphane Hessel, que sobreviveu aos campos de concentração nazista e foi membro da resistência francesa, morreu aos 95 anos, na capital francesa. Um de seus livros, o best-seller "Indignai-vos", serviu de inspiração para os movimentos de "indignados" de ocuparam locais públicos nos Estados Unidos e na Europa. Segundo informou sua mulher, Christiane Hessel-Chabry, nesta quarta-feira, ele morreu durante a noite.

AE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2013 | 09h53

O livro, publicado em 2010, quando Hessel tinha 93 anos, foi um grito de guerra contra a distância entre ricos e pobres. Hessel disse querer imbuir a juventude francesa com o mesmo fervor do que se levantaram contra os nazistas.

A primeira edição de "Indignai-vos" teve apenas 8 mil cópias, mas edições posteriores somaram milhões de exemplares e se tornou uma fonte de inspiração para o movimento Ocupe Wall Street.

O prefeito de Paris, Bertrand Delanoe, disse que Hessel "nos deixa uma herança inestimável para a luta pelos valores dos direitos humanos universais e seu inalienável senso de liberdade". As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
FrançaHesselmorteIndignai-vos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.