Morrem 21 guerrilheiros tâmeis em combates no Sri Lanka

Os repórteres estão proibidos de chegar às frentes de batalha

EFE,

20 de março de 2008 | 03h20

Pelo menos 21 guerrilheiros dos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE) morreram nas nesta quinta-feira em combates contra o Exército do Sri Lanka no norte do país, informou o Ministério da Defesa cingalês em vários comunicados. Os combates ocorreram em Jaffna, e nos distritos de Mannar, Welioya e Vavuniya, por onde passa a linha da frente entre os dois lados. O Exército informa diariamente sobre a morte de dezenas de guerrilheiros tâmeis, mas as partes não têm confirmação independente, porque os repórteres estão proibidos de chegar às frentes de batalha.

Tudo o que sabemos sobre:
GUERRILHASri Lanka

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.