Morrem 3 soldados da Isaf e um afegão em combates com talebans

Violência no país aumenta com a temporada da colheita da papoula, matéria-prima para a produção de ópio

Efe,

28 Julho 2007 | 04h21

Pelo menos três soldados da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) e um soldado afegão morreram na sexta-feira em dois combates no leste e sul do Afeganistão, informou neste sábado, 28, o comando militar, que anunciou além disso a morte de "vários talebans". O incidente mais grave aconteceu no leste do Afeganistão. Dois soldados da Isaf e um do Exército afegão foram mortos. Outros 13 membros da força internacional, um militar do Afeganistão e um civil ficaram feridos durante a luta. Mais um soldado da Isaf morreu durante outro combate contra os insurgentes no sul do país, informou a organização. Também no sul, a Isaf anunciou uma operação "bem-sucedida" do Exército afegão com apoio das tropas internacionais. Além disso, a Força Internacional morreram "vários talebans" na conflituosa região de Helmand. Além disso, a Isaf informou neste sábado que feriu gravemente e talvez tenha matado um dos líderes talebans, Qari Fayiz Mohammad, durante uma operação no dia 23 de julho. "Como resultado do ataque bem-sucedido, as redes talebans sofreram outra dura derrota", disse uma porta-voz da Isaf, a tenente-coronel Claudia Foss. Este ano, mais de 3 mil pessoas morreram no Afeganistão vítimas da violência, que aumentou com a temporada da colheita da papoula, matéria-prima para a produção de ópio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.