Altaf Qadri/AP
Altaf Qadri/AP

Mortos em avalanche no Afeganistão podem superar 60

Governo contabilizou 680 feridos até agora; apenas 24 corpos foram retirados da neve

AE-AP, Agencia Estado

09 de fevereiro de 2010 | 20h29

Pode passar de 60 o total de mortes provocadas nesta terça-feira,9, pelas avalanches enormes nas montanhas ao norte de Cabul, no Afeganistão. Segundo o ministro do Interior, Hanif Atmar, as equipes recuperaram os corpos de 24 pessoas, mas outras 40 podem ter morrido. Equipes de regaste tentam retirar mais de 400 feridos do local.

"Até agora recuperamos 24 corpos, mas o temor é que existam até 40 corpos ainda soterrados na neve e, infelizmente, essas pessoas podem já estar mortas", disse Atmar. "Essa é a estimativa mais aproximada que temos até o momento".

Forças afegãs e da coalizão retiraram do local cerca de 430 feridos, com 180 levados ao centro médico da base aérea de Bagram, disse o ministro da Defesa, o general Abdul Rahim Wardak. Outros 250 feridos foram levados a hospitais próximos. Cerca de 2.500 pessoas foram resgatadas dos veículos numa rodovia, bloqueada pela neve.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãoavalanchemortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.