Motoqueiros matam 4 policiais no sudoeste do Paquistão

Motoqueiros armados mataram quatro policiais neste sábado na província do Baluquistão, no sudoeste do Paquistão, segundo a polícia. Os agressores atiraram contra uma viatura de patrulha na cidade de Quetta, capital da província rica em petróleo e gás natural. "Três policiais morreram no local, enquanto o outro faleceu no hospital", afirmou o oficial Zubair Mehmood à AFP. O doutor Noor Mohammad do hospital regional do governo confirmou as mortes. Nenhum grupo assumiu a responsabilidade pelo ataque.

AE, Agência Estado

29 de dezembro de 2012 | 16h13

A região sofre com violência sectária, levantes tribais e ataques feitos por militantes do grupo fundamentalista Taleban. Ataques armados no Baluquistão frequentemente têm como alvos policiais e agentes de segurança privada. Em 2004, insurgentes começaram a lutar pela autonomia da região e por um parcela maior da riqueza natural da província. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãomortepoliciais

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.