Mubarak é transferido da prisão para hospital

O governo do Egito afirmou que o ex-presidente Hosni Mubarak - deposto em fevereiro de 2011 após quase 30 anos no poder - foi transferido ontem da penitenciária, onde cumpre prisão perpétua por não impedir a matança de opositores, para um hospital militar. Foi a segunda vez em uma semana que o líder egípcio foi internado, em razão de ferimentos que sofreu na queda em um banheiro da unidade prisional onde é mantido. Segundo o Ministério do Interior, Mubarak teve complicações em virtude dos machucados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.