Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Mugabe tenta reeleição em pleito histórico no Zimbábue

Os colégios estão previstos para permanecer abertos por doze horas

EFE

29 de março de 2008 | 03h06

Os colégios eleitorais do Zimbábue abriram neste sábado suas portas às 7h (2h de Brasília) para que os cidadãos exerçam seu direito a voto neste pleito histórico, no qual o presidente Robert Mugabe tenta a reeleição. Segundo verificação em alguns centros de votação de Harare, apenas alguns poucos colégios abriram suas portas pontualmente, e no restante houve atraso. Os colégios estão previstos para permanecer abertos por doze horas, mas não fecharão suas portas enquanto houver eleitores nas filas. É possível notar em Harare a presença de policiais, mas não a de militares. As Forças de Defesa e de Segurança foram postas ontem em estado de alerta para evitar incidentes. Esta será a primeira vez na história do Zimbábue que as eleições presidenciais coincidem com as legislativas e municipais. O pleito legislativo e municipal estava programado para 2010, mas foi antecipado para coincidir com as eleições presidenciais. Também é a primeira vez que Mugabe, de 84 anos e no poder desde a independência do Zimbábue, em 1980, deverá encontrar dificuldade para convencer o eleitorado sobre sua reeleição, já que o país atravessa a crise econômica mais grave de sua história. Os principais rivais de Mgabe são o líder do Movimento para Mudança Democrática, Morgan Tsvangirai, de 56 anos, e o ex-ministro das Finanças e candidato independente, Simba Makoni, de 58 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.