Mulá Omar é mentalmente instável, diz The Times of India

O homem que governa seu país como um jogo de xadrez contra os Estados Unidos é um homem que sofre de distúrbios mentais e frequentemente balbucia como uma criança, de acordo com o médico que trata do mulá Mohammed Omar, o líder Taleban de um olho só, divulgou hoje o jornal The Times of India. A instabilidade mental de Omar é a real razão de ele ser tão recluso, raramente viajar para fora de Kandahar e ser praticamente desconhecido do povo afegão, disse o médico, sob a condição de anonimato. "Ele se tranca em casa por dois ou três dias e a informação oficial é de que estaria tendo visões. As "visões", durante as quais ele desmaia, seriam, segundo Omar, períodos de silêncio em comunhão com Deus, momento no qual ele recebe ´instruções para criar um puro estado islâmico´, como banir o uso de salto alto pelas mulheres". Seus médicos também descrevem mudanças alarmantes de humor, incluindo depressão profunda, alternada com euforia de comportamento infantil, escreveu o The Times of India. Leia o especial

Agencia Estado,

07 Outubro 2001 | 21h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.