Mulher de 65 anos tenta assassinar vizinha por causa de um gato

Policiais mataram uma mulher de 65 anos acusada de tentar assassinar sua vizinha. Stephanie Lindboe deu oito facadas em Linda Padula, de 59 anos, porque Padula reclamou que o gato de Lindboe, Dickie, sempre defecava na porta de seu apartamento.O gato sofreu sérios cortes no olho, mas ainda não foi identificado como os ferimentos aconteceram.O porta-voz da polícia, Paul Browne, disse que o caso ocorreu após os polícias receberem um chamado de assalto. Quando eles chegaram ao apartamento que fica em State Island, em Nova York, o zelador do prédio disse ter visto Lindboe agarrando Padula pelos cabelos a esfaqueando-a repetidamente na cabeça, pescoço e ombros com uma faca de cozinha.Os policiais encontraram Padula sangrando muito e implorando por ajuda dentro de seu apartamento. Quando os policiais foram ajudá-la, Lindboe abriu a porta de seu apartamento, que fica do outro lado do corredor, e foi de encontro aos policiais segurando a faca com as duas mãos acima da cabeça, disse a policia.Os policiais gritaram para Lindboe largar a faca, mas ela continuou indo em sua direção, então os policiais atiraram duas vezes em Lindboe. A senhora foi declarada morta no Hospital da Universidade de Staten Island. Padula se encontra em estado grave.Membros da família de Lindboe contaram aos investigadores que ela estava sob cuidado psiquiátrico, mas não deram detalhes à respeito de sua doença.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.