Mulher de 98 anos é condenada à perpétua

A Justiça indiana condenou uma mulher de 98 anos à prisão perpétua por um assassinato cometido 16 anos atrás. O filho da idosa também foi sentenciado pelo crime. O marido da condenada foi indiciado no processo, mas morreu anos antes do julgamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.