Mulher é presa tentando sair da Argentina com dólares

Uma mulher coreana foi presa hoje no Aeroporto Internacional de Ezeiza, em Buenos Aires, quando tentava tirar 70 mil dólares do país, escondidos num boneco de pelúcia, informaram fontes policiais. A mulher foi detida quando tentava embarcar num vôo da Air Canada com destino ao Brasil. Os agentes alfandegários detectaram com uma máquina de raio-X que o boneco estava recheado de dólares. Desde que o governo anterior impôs as restrições bancárias conhecidas como "corralito", no dia 3 de dezembro de 2001, é proibido deixar a Argentina com mais de 1 mil dólares em espécie.

Agencia Estado,

19 Janeiro 2002 | 00h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.