Mulher mais velha a dar à luz enganou clínica, diz jornal

A mulher mais velha a ter dado à luz enganou médicos para receber o tratamento de fertilização que a permitiu ter gêmeos aos 67 anos no mês passado, afirmou um jornal de domingo. Carmela Bousada, que deu à luz aos gêmeos Christian e Paul no dia 29 de dezembro, convenceu uma clínica de Los Angeles que ela tinha 55 anos, idade limite do programa de fertilização in-vitro da instituição, afirmou o tablóide britânico News of the World. "Eles não perguntaram minha idade nem pediram meu passaporte. Eu posso parecer cansada agora, mas antes do nascimento eu parecia mais magra e bem mais nova", afirmou Bousada, segundo o jornal. A clínica, o Centro de Fertilização Pacífica em Los Angeles, que já confirmou ter tratado de Bousada, não estava imediatamente disponível para comentar o assunto. Bousada, uma espanhola, vendeu sua casa na Espanha para levantar 60 mil dólares para pagar o tratamento nos Estados Unidos. Ela foi submetida a uma terapia hormonal, que a permitiu voltar a menstruar pela primeira vez em 18 anos, e engravidou na primeira tentativa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.