Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Mulheres que protestavam em Teerã são presas

Autoridades do Irã prenderam 32 mulheres que protestavam em frente a uma corte judicial em Teerã no domingo, 4. Elas demonstravam solidariedade a cinco iranianas que estão sendo julgadas por terem organizado um protesto, em junho, contra leis do país que discriminam as mulheres.As cinco são acusadas de representar uma ameaça à segurança nacional, propaganda contra o Estado e agrupamento ilegal.A ONG americana Human Rights Watch pediu que o processo fosse abandonado. Os ativistas defendem que elas estavam exercendo o direito de liberdade de assembléia pacífica. Dia da MulherA manifestação em junho do ano passado foi dispersa violentamente pela polícia, resultando na prisão de 70 pessoas, incluindo pedestres que passavam no local.No protesto deste fim de semana, as iranianas seguravam faixas com a frase: "Formar agrupamentos pacíficos é nosso direito constitucional".Segundo a BBC, policiais e homens não-uniformizados dispersaram jornalistas e curiosos e depois levaram as mulheres em um ônibus.As iranianas acreditam que as autoridades do país estão tentando intimidá-las para evitar qualquer tipo de protesto no Dia Internacional da Mulher, em 8 de março.

Agencia Estado,

05 de março de 2007 | 02h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.