Mulheres querem disputar eleições na Arábia Saudita

Um grupo de ativistas lançou uma campanha para incentivar o país rico em petróleo a permitir que as mulheres concorram às próximas eleições municipais, marcadas para a primavera. Organizadores disseram que a campanha, intitulada Meu País, começou no domingo com uma carta enviada aos governos locais e publicada em sites de rede social.

AE, Agência Estado

16 de janeiro de 2011 | 12h04

As mulheres foram proibidas de votar nas primeiras eleições municipais da história da Arábia Saudita, em 2005. Jornais do país informaram que o governo planeja permitir o voto feminino, mas não o direito de concorrer na votação de abril. O governo saudita adiou as eleições por dois anos, na tentativa de se esquivar de possíveis vitórias islâmicas e da delicada questão sobre a participação das mulheres na política. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Arábia Sauditaeleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.