Muro de Israel vai invadir a Cisjordânia, diz governo

A barreira construída por Israel para isolar a Cisjordânia cruzará o território palestino para abraçar os principais assentamentos de judeus, a despeito dos planos para manter o traçado do muro próximo à fronteira israelense anterior à guerra de 1967, disse um representante do Ministério da Defesa. A afirmação de Nezah Mashiah, chefe do projeto da barreira no ministério, é sinal de que a pressão internacional e do próprio Judiciário israelense não impedirá o governo de manter os blocos judeus no ?lado israelense? do muro, parte essencial do plano governamental de ?desligamento unilateral? entre Israel e palestinos.O ?desligamento? prevê a retirada de todos os israelenses da Faixa de Gaza e de quatro colônias da Cisjordânia ao longo de 2005.

Agencia Estado,

29 de julho de 2004 | 16h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.