Musharraf culpa Benazir por atentado

O presidente paquistanês, Pervez Musharraf, disse que a ex-premiê Benazir Bhutto foi responsável pela própria morte ao se expor às ameaças de atentado. Em entrevista à CBS, Musharraf admitiu que ela pode ter sido alvejada pelo suicida no dia 27, mas disse que seu governo deu toda segurança possível a Benazir.O embaixador do Paquistão no Brasil, Muhammad Haroon Shaukat, disse ontem que o Paquistão é capaz de combater os militantes islâmicos nas áreas tribais, e o envio de forças americanas à região seria uma violação de soberania. No entanto, ele disse que o apoio financeiro e moral da comunidade internacional seria bem-vindo ao seu país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.