Nº de mortos em deslizamentos na China sobe para 21

O número de mortos em desmoronamentos que devastaram a região atingida por um terremoto no noroeste da China subiu para 21 neste sábado, com mais quatro desaparecidos, informou a mídia estatal. Os desmoronamentos provocados por chuvas pesadas ocorreram na cidade de Dingxi, onde um terremoto deixou 95 mortos na segunda-feira, cinco desaparecidos e mais de 800 feridos.

AE, Agência Estado

27 de julho de 2013 | 13h22

Nove vilarejos na cidade de Tianshui continuavam sem contato até a manhã de hoje após tempestades provocarem o corte de energia e das comunicações e o bloqueio de estradas, afirmou a agência de notícias Xinhua News.

Cerca de 123 mil pessoas foram afetadas pelo terremoto, das quais 31.600 foram transferidas para abrigos temporários, disse o órgão responsável por terremotos da província. Aproximadamente 2 mil casas foram destruídas e cerca de 22.500 danificadas, acrescentou o órgão. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
CHINADESLIZAMENTOSMORTES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.