AP Photo|Natacha Pisarenko
AP Photo|Natacha Pisarenko

Na Argentina, famílias homenageiam mortos no atentado em Nova York

Ato simbólico foi realizado na porta do Instituto Politécnico Superior General San Martín, onde estudaram as vítimas, que estavam em Nova York para celebrar o 30º aniversário de suas formaturas

AP Photo|Natacha Pisarenko
AP Photo|Natacha Pisarenko

O Estado de S.Paulo

02 Novembro 2017 | 00h26

ROSARIO, ARGENTINA - Parentes, amigos e alunos do centro de ensino onde estudaram os cinco argentinos mortos, na terça-feira, no atentado terrorista de Nova York, lembraram na noite desta quarta das vítimas, acendendo velas em sua homenagem na rua de seu antigo instituto.

O que se sabe e o que ainda não se sabe sobre o atentado terrorista em Nova York

O ato simbólico foi realizado na porta do Instituto Politécnico Superior "General San Martín", da cidade de Rosario, onde estudaram os mortos, que estavam em Nova York para celebrar o 30º aniversário de suas formaturas.

O ato contou com a presença de 300 pessoas, bastante emocionadas pelas vítimas do atentado terrorista.

Rosario, a 300 quilômetros de Buenos Aires, amanheceu consternada pela notícia do atentado e com o Monumento à Bandeira de Rosário, um dos símbolos da cidade, com a bandeira a meio mastro, em sinal de homenagem às vítimas.

A prefeita, Mónica Fein, decretou três dias de luto na cidade. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.