Na Nicaraguá, Hugo Chávez faz mais críticas aos EUA

"O império enfraquecido está chegando a seu fim". A afirmação foi feita pelo presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que chegou neste domingo, 11, à Nicarágua para visita oficial e continuou com duras críticas contra os Estados Unidos.Esta é a segunda visita à Nicarágua, desde que o sandinista Daniel Ortega assumiu a Presidência da República, no dia 10 de janeiro.O governante venezuelano disse que enquanto o império chega a seu fim, "o Alba (Alternativa Bolivariana das Américas) se levanta junto a este grande povo da Nicarágua".Além disso, afirmou que o imperialismo americano conseguiu "frear as chamas patrióticas" nos últimos 200 anos."Hoje em dia, o chefe do império (o presidente George W. Bush) tenta de novo apagar essas chamas, mas ele não conseguirá; nem este império nem mil impérios poderão apagar as novas chamas sandinista, bolivariana, popular e libertária erguidas nestas terras", disse.A viagem de Chávez pela América Latina coincide com a visita pela região do presidente dos Estados Unidos, que já passou por Brasil, Uruguai e Colômbia, e continuará na Guatemala e no México.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.