Na Noruega, Barack Obama recebe hoje Nobel da Paz

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, receberá hoje o Nobel da Paz em Oslo, na Noruega. Na cerimônia, o líder norte-americano fará um discurso cujo teor ainda não foi divulgado. Segundo os assessores da Casa Branca, ele próprio escreveria o texto que pode delinear algumas de suas visões sobre a política externa dos EUA.

AE, Agencia Estado

10 de dezembro de 2009 | 07h58

Jornais norte-americanos especulavam que ele poderia falar da ironia de receber a premiação em meio a guerras no Iraque e Afeganistão, para onde anunciou o envio de mais 30 mil soldados. Como inspiração, o presidente teria lido os discursos do líder sul-africano Nelson Mandela, de Martin Luther King e de Elie Wiesel.

Segundo pesquisa divulgada ontem nos EUA, apenas 26% dos norte-americanos dizem que o presidente, com a popularidade abaixo dos 50%, merece o Nobel. Analistas afirmam que Obama deveria receber o prêmio somente após fim do mandato, quando os resultados de sua administração puderem ser avaliados.

Ele será o quarto presidente dos EUA a receber a premiação, depois de Theodore Roosevelt, em 1906, Woodrow Wilson, em 1919, e Jimmy Carter, em 2002, mais de duas décadas após deixar a presidência. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAObamaNobel da Paz

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.