Na Suécia, o segredo de uma bebida com gosto de Natal

Assim que os dias tornam-se mais curtos e o frio aguilhão do inverno corta a pele, os suecos esquecem as colas e os refrigerantes globalizados e preparam-se para celebrar o Natal com sua bebida fermentada predileta.Julmust, uma animada combinação de malte, lúpulo, água carbonatada e especiarias, é obrigatória nas mesas de fim de ano. Tanto que a maioria dos suecos não considera a época de festas sem um copo da bebida fermentada, embora não alcóolica.?Ela tornou-se a bebida favorita da mesa de Natal?, diz Goeran Orre, um porta-voz da Apotekarnes, o produtor da sazonal Julmust. ?É um ingrediente essencial para celebrar o Natal sueco.? Várias produtores suecos produzem a Julmust, mas a Apotekarnes ? que pertence à cervejaria dinamarquesa Carlsberg ? detém a maior parte do mercado.A bebida avermelhada foi inventada por um químico sueco, Harry Roberts, em 1910. Ele queria criar uma alternativa para as tradicionais bebidas alcóolicas de Natal. E, como a fórmula secreta da Coca-Cola, a receita exata da Julmust é guardada em segredo.Desde que Roberts começou a produzir o fermentado em sua fábrica, em Oerebro, a 197 quilômetros ao sul da capital, sua popularidade estava garantida. Durante as festas de fim de ano, as vendas da Julmust ultrapassam as da Coca-Cola e outros refrigerantes.?Muitos países tem suas próprias bebidas, mas que eu saiba nenhum deles tem uma tradição tão forte de soft drink quando a Suécia?, diz Richard Sjoeberg, porta-voz da Coca-Cola sueca.Aproximadamente 40 milhões de litros de Julmust são vendidos na Suécia em novembro e dezembro, ou cerca de 4 litros para cada um dos 9 milhões de habitantes do país, de acordo com a Apotekarnes.?Julmust significa Natal para mim?, diz Andreas Sandstroem, um estudante de artes de 29 anos. ?Tem gosto bom e atmosfera...? Como muitos suecos, Sandstroem vem bebendo Julmust nos fins-de-ano desde que pode se lembrar.?Nós compramos três ou quatro engradados em cada Natal?, ele diz, acrescentando que a bebida combina perfeitamente com a comida tradicional de Natal da Suécia, que inclui presunto, almôndegas, repolho roxo e arenque.Um dos mais famosos chefs escandinavos, Krister Dahl, concorda.?Ela tem um gosto refrescante que corta o peso da comida natalina?, diz Dahl. ?Embora a Julmust seja uma tradição, é a melhor coisa para combinar com a comida e torná-la mais leve.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.