Na véspera da eleição, avó de Obama morre aos 86 anos

O candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje, na véspera das eleições presidenciais, que sua avó, Madelyn Dunham, morreu de câncer no Havaí, aos 86 anos. "É com grande tristeza que anunciamos que nossa avó, Madelyn Dunham, faleceu em paz após uma batalha contra o câncer", afirmou Obama, em comunicado conjunto com sua irmã, Maya Soetero-Ng."Ela era orgulhosa dos seus netos e bisnetos e deixou este mundo com a consciência de que sua influência sobre todos nós foi positiva e duradoura. Nossa dívida para com ela é sem limites", afirma o candidato, no comunicado. No final do mês passado, Obama se afastou da campanha durante dois dias para visitar a avó, que estava muito doente. Dunham ajudou a criar Obama e era sua parente próxima mais idosa. A mãe do candidato faleceu há mais de dez anos. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.