AFP
AFP

Não há sobreviventes da queda de avião na Indonésia

As autoridades russas não sabem dizer ainda quantos corpos; alguns já foram encontrados

AE, Agência Estado

10 Maio 2012 | 11h09

JACARTA - As equipes de resgate que chegaram ao local do acidente como o avião russo que caiu na quarta-feira, 9, na Indonésia não encontraram nenhum sobrevivente. "Não encontramos qualquer sobrevivente", disse o porta-voz da agência nacional de busca e resgate, Gagah Prakoso.

As equipes encontraram os corpos quando chegaram ao local onde o Sukhoi caiu, a 82 quilômetros a sudeste de Jacarta, disse ele. "Nós entramos na região e encontramos corpos, mas não podemos dizer quantos", declarou Prakoso.

Havia entre 46 e 50 pessoas a bordo ao avião quando ele sumiu das telas dos radares na quarta-feira, disseram autoridades, após 50 minutos do que deveria ser um voo curto para mostrar as características da aeronave para possíveis compradores.

Uma funcionário da Cruz Vermelha disse que sua equipe relatou ter visto corpos espalhados perto dos destroços do avião. Prakoso disse que a retirada dos corpos, por helicóptero, é prejudicada por causa do tempo ruim. "A retirada ainda é difícil. Por terra, precisaríamos de 12 horas e de helicóptero leva apenas 20 minutos, mas o tempo está impossível", afirmou o porta-voz.

"Estamos preparando um heliponto para que amanhã de manhã (sexta-feira), com tempo claro, possamos retirá-los de lá." Investigadores russos abriram nesta quinta-feira um inquérito criminal sobre possível conduta imprópria durante os preparativos para o voo de exibição do Sukhoi.

O Comitê Investigativo disse em comunicado que vai examinar "os procedimentos de preparação dos tripulantes do voo e também as condições técnicas da aeronave antes de sua saída da Rússia".

As informações são da Dow Jones

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.