Nasa lança 1º ônibus espacial em quatro meses

O ônibus espacial Atlantis partiu nesta segunda-feira de Cabo Canaveral, nos Estados Unidos, com destino à Estação Espacial Internacional, após vários dias de atraso, por causa do furacão Lili, que passou recentemente pela Flórida, e em função de problemas técnicos.A tripulação de seis membros, integrada por cinco americanos e um russo, realizará, em sua missão de 11 dias, trabalhos na parte exterior da estação, para ampliar sua estrutura. Será instalado um novo segmento de 13,5 metros, com tantos cabos e conexões, que a tripulação terá que fazer a instalação em três saídas ao espaço.A nova viga contém parte do futuro sistema de refrigeração da estação. O lançamento da Atlantis é o primeiro de um ônibus espacial após quatro meses. O motivo da pausa foi a revisão das estruturas das naves desse tipo, depois que pequenas fendas foram encontradas na Atlantis, Discovery, Columbia e Endeavour.Na parte superior do tanque de combustível da Atlantis, foi colocada uma microcâmera, similar às utilizadas em carros de Fórmula 1, que enviará imagens nunca antes vistas. "Esta será a primeira vez que provamos no ônibus espacial e estamos muito otimistas de que receberemos imagens bastante dramáticas em sua subida", disse um dos diretores da missão, Phil Engelauf, antes do lançamento. No domingo foi descoberto mais um problema técnico em um radiador que conduz hidrogênio. O problema foi corrigido nesta segunda pela manhã.

Agencia Estado,

07 de outubro de 2002 | 18h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.