Naufrágio mata 30 pessoas em Bangladesh

Pelo menos 30 pessoas morreram e dezenas de passageiros estão desaparecidos no naufrágio de uma balsa nesta sexta-feira (27) em um rio de Bangladesh. A balsa transportava cerca de mil pessoas que haviam se deslocado para participar da festa de Eid al-Adha, a segunda mais importante do calendário muçulmano, segundo informações de uma autoridade local.

AE-AP, Agencia Estado

28 Novembro 2009 | 10h25

"Conseguimos retirar 26 corpos do barco, mas dezenas de outras pessoas estão presas debaixo d''água", comentou Mejbahul Islam, responsável pela administração local, em entrevista por telefone dada de Nazirpura, a cerca de 250 quilômetros ao sul de Dacca, capital de Bangladesh.

O acidente ocorreu quando a balsa MV Coco-4, um dos maiores barcos de circulação fluvial do país, aproximava-se da ilha de Bhola, explicou o chefe da polícia local, Zakir Hossain. A embarcação havia partido de Dacca na tarde de sexta-feira com cerca de mil pessoa que retornavam às suas casas após as festividades. Em Bangladesh, um país com 230 rios, os acidentes de barco são frequentes, em razão das deficientes normas de segurança e da superlotação de passageiros. (Patricia Lara)

Mais conteúdo sobre:
Bangladesh naufrágio mortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.