Naufrágio mata ao menos 50 imigrantes

A polícia de Moçambique disse que 50 imigrantes clandestinos da Somália, e o capitão do precário barco no qual viajavam, morreram após a embarcação naufragar ao largo da costa norte moçambicana. Segundo a polícia de Moçambique, a embarcação, cheia de clandestinos, viajava para a África do Sul, quando afundou no domingo. Marinheiros resgataram 89 imigrantes somalis e etíopes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.