Santi Palacios|AP
Santi Palacios|AP

Naufrágio na Turquia deixa 19 imigrantes mortos

Mar agitado e sobrecarga causaram o naufrágio do barco de madeira no Mar Egeu; seis crianças estão entre as vítimas

O Estado de S.Paulo

24 de dezembro de 2015 | 18h11

ISTAMBUL - Dezenove pessoas, incluindo seis crianças, morreram afogadas nesta quinta-feira, 24, depois que um barco que transportava imigrantes naufragou no Mar Egeu próximo ao litoral oeste da cidade turca de Dikili. 

A guarda costeira da Turquia resgatou outros 21 imigrantes do mar, incluindo um bebê de um ano de idade, e ainda busca mais duas pessoas que estavam à bordo do barco de madeira, que naufragou devido ao mar agitado e sobrecarga.

O mar ficou mais agitado com a chegada do inverno e isso aumentou o número de mortes de imigrantes que tentam chegar à Grécia.

O número de refugiados e imigrantes que chegam por terra e mar à União Europeia ultrapassou 1 milhão de pessoas este ano, e quase 3.700 morreram ou desapareceram, segundo a Organização Internacional para Migrações. (Com informações da Reuters e da AP)

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.