Navio chinês é capturado por piratas no Golfo de Omã

Pequim, 06 - Um navio de carga chinês foi sequestrado por piradas nesta sexta-feira no Golfo de Omã, sul do Irã, informaram meios de comunicação estatais da China, citando informações da embaixada do país em território iraniano.

Agência Estado

06 de abril de 2012 | 13h48

O navio foi capturado na manhã desta sexta-feira, perto do porto iraniano de Chabahar, segundo a agência de notícias Xinhua. A embaixada chinesa já iniciou uma operação "emergencial" com o objetivo de resgatar a embarcação, afirmou a agência.

"A embaixada chinesa...imediatamente estabeleceu contato com importantes autoridades iranianas, exigindo que o Irã adote todas as medidas necessárias para resgatar o navio e sua tripulação", disse a Xinhua.

A China está fortemente envolvida nas missões antipirataria no Golfo de Áden, na costa da Somália, e em águas internacionais perto do Golfo de Omã.

Desde 2008, a China vá enviou dez missões de escolta e mais de 8 mil militares para o Golfo de Áden, além de ter escoltado mais de 4.300 embarcações nesse período, segundo informações divulgadas no ano passado pelo jornal estatal China Daily. As informações são da Dow Jones. (AE)

Tudo o que sabemos sobre:
Chinanaviopiratas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.