Navio chinês entra em águas de ilha disputada com Japão

Um navio do governo chinês entrou rapidamente nas águas territoriais de uma ilha controlada pelo Japão e que está sendo disputada pela China no Mar do Leste da China, disse a guarda costeira japonesa nesta terça-feira.

AE, Agência Estado

04 de dezembro de 2012 | 12h09

A embarcação de vigilância invadiu o território de Minamikojima, que pertence ao arquipélago chamado de Senkaku pelo Japão e de Diaoyu pela China, por cerca de dez minutos.

Os navios chineses têm sido vistos nos arredores das águas territoriais quase todos os dias nos últimos dois meses. No entanto, o caso mais recente ocorre um dia depois de Pequim ter chamado o tratado do Japão com os Estados Unidos de "produto da Guerra Fria", quando legisladores de Washington apoiaram os japoneses na disputa pelas ilhas.

A emenda, anexada a Lei de Autorização de Defesa Nacional, aponta que, embora os EUA "não tenham posição" sobre a soberania do território, o país "reconhece a administração do Japão sobre as ilhas Senkaku". E diz também que as "ações unilaterais de um terceiro agente" não afetam essa posição.

A soberania das ilhas tem sido uma fonte de atrito ao longo de décadas, mas a disputa acentuou-se no início deste ano depois que o governador nacionalista de Tóquio disse que queria comprá-las para a cidade, forçando o governo japonês a nacionalizá-las. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
ChinaJapãoilhas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.