Navio com 1,5 mil curdos encalha no sul da França

Um velho e enferrujado navio de carga, com cerca de 1,5 mil imigrantes curdos, incluindo centenas de crianças e dois bebês que nasceram a bordo foi encalhado deliberadamente na Riviera Francesa por traficantes de gente, informou a polícia francesa hoje.Ninguém ficou ferido, apesar de os curdos, do Iraque e da Turquia, estarem desidratados e debilitados por causa das deploráveis condições a bordo do cargueiro cambojano, o East Sea. O navio, que esteve no mar por sete dias após partir da Turquia, colidiu contra rochas a cerca de 20 metros do porto de Boulouris, perto de Cannes e St. Tropez. As condições do tempo eram boas na hora do incidente e a polícia informou que o capitão e a tripulação fugiram antes que o resgate chegasse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.