Navio com 148 brasileiros deixa Líbia rumo à Grécia

O navio com 148 brasileiros, funcionários da construtora Queiroz Galvão que estavam na Líbia, está a caminho da Grécia, onde deverá chegar às 2 horas de amanhã. A informação é da assessoria do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

AE, Agência Estado

26 de fevereiro de 2011 | 13h15

Da Grécia, eles deverão embarcar para o Brasil na noite de domingo ou na segunda-feira de manhã. Segundo o Itamaraty, o voo é fretado pela Queiroz Galvão, mas não houve retorno da assessoria da construtora para confirmar o dia e horário de partida.

O navio deixou a Líbia na manhã deste sábado, depois de um atraso em decorrência do mau tempo e do mar agitado na costa do país. A viagem deverá durar cerca de 17 horas. Todos os brasileiros estão bem e não há nenhum relato de atendimento a feridos, segundo o Itamaraty. Fora o grupo de Benghazi, não há mais brasileiros a serem retirados da Líbia, a não ser funcionários da chancelaria do País.

Conforme a Agência Brasil, a embaixada do Brasil na Grécia prestará serviços de assistência, como o fornecimento da segunda via de passaporte e autorização de retorno ao País, no caso daqueles que não tiverem documentos. Além dos brasileiros, o navio transporta 48 portugueses, 20 espanhóis e 1 tunisiano que estava em Benghazi, na Líbia.

Tudo o que sabemos sobre:
Líbiabrasileiros

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.