Reuters
Reuters

Navios japoneses e de Taiwan disparam canhões de água

Embarcações entraram em área próxima às ilhas e ignoraram alertas para que saíssem

AE, Agência Estado

25 de setembro de 2012 | 09h21

PEQUIM - Navios japoneses e taiwaneses dispararam canhões de água uns nos outros nesta terça-feira, 25, em confronto causado pela disputa de pequenas ilhas no Mar da China. O confronto ocorreu quando 40 barcos pesqueiros e 12 barcos de patrulha vindos de Taiwan entraram na área próxima às ilhas.

Veja também:

linkDisputa por ilhas afeta economias da China e do Japão

linkJapão envia vice-ministro de Relações Exteriores à China

forum CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

A guarda costeira do Japão afirmou que as embarcações ignoraram os alertas para que saíssem do território e que só recuaram quando os canhões de água foram disparados. Essa foi a primeira incursão taiwanesa na área das ilhas desabitadas conhecidas como Senkaku em japonês e Diaoyu em chinês. China, Japão e Taiwan reclamam para si a região, que é administrada por Tóquio.

Também nesta terça-feira, os ministros de Relações Exteriores da China e Japão encontraram-se para discutir a questão. Após quatro horas de reunião, ocorrida na sede do Ministério de Relações Exteriores da China, o porta-voz Hong Lei afirmou que os dois lados tiveram conversa "franca e profunda" e que concordaram em continuar as discussões. Ele reiterou também que a "China jamais tolerará atos unilaterais japoneses que violem a soberania territorial da China".

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
JapãoTaiwanChinailhasdisputa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.