EFE/Justin Lane
EFE/Justin Lane

NBC rompe com Donald Trump

O motivo, segundo a rede de notícias, foram os comentários dele com relação aos imigrantes mexicanos ao anunciar sua pré-candidatura, no dia 16; programa Celebrity Apprentice continua sem ele

O Estado de S.Paulo

29 de junho de 2015 | 15h52

NOVA YORK, EUA - A rede NBC anunciou nesta segunda-feira, 29, que rompeu todos os vínculos com o magnata do mercado imobiliário e pré-candidado republicano à presidência dos EUA Donal Trump. A emissora deixará de transmitir os concursos Miss EUA e Miss Universo, além de cancelar sua participação no reality show The Apprentice (O Aprendiz). O motivo, segundo a rede de notícias, foram os comentários xenófobos dele com relação aos imigrantes mexicanos ao anunciar sua pré-candidatura, no dia 16. 

"Devido às recentes declarações depreciativas feitas por Donald Trump com relação aos imigrantes, a NBC está encerrando suas relações comerciais com o Sr. Trump", afirmou um comunicado da companhia. "Na NBC, o respeito e a dignidade de todas as pessoas são pilares básicos de nossos valores", acrescentou.

A emissora recebeu mais de 200 mil assinaturas pedindo o cancelamento da exibição dos concursos de beleza e hoje, finalmente, anunciou a ruptura das relações comerciais com o multimilionário, que também inclui o reality show The Apprentice, pelo qual foi indicado ao Emmy.

O magnata tem enfrentando um grande criticismo desde seu discurso no qual se lançou pré-candidato à Casa Branca. Durante o pronunciamento, ele acusou os imigrantes mexicanos de serem "estupradores e traficantes de drogas". Ele afirmou que "quando o México envia suas pessoas, não manda os melhores, mas cidadãos com muitos problemas. Estão enviando drogas, crimes. São violadores", disse, durante o discurso.

Em um comunicado divulgado nesta segunda-feira, Trump disse que seus comentários sobre imigração estão "corretos" e "tudo bem" se a NBC tiver uma posição diferente. 

Na semana passada, a rede hispânica de televisão Univisión anunciou ter rompido relações com o império de mídia de Trump também em razão dos comentários do pré-candidato. No mesmo dia, a atriz porto-riquenha Roselyn Sánchez anunciou ter cancelado sua participação como mestre de cerimônias do Miss EUA 2015, que tem produção de Trump, por considerar um "insulto" os comentários. / COM EFE e AP

Tudo o que sabemos sobre:
NBCDonald Trump

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.