Negociações em Viena decidem futuro de Kosovo

Líderes políticos de Kosovo e da Sérvia se reúnem nesta segunda-feira em Viena para iniciar negociações para decidir o futuro status de Kosovo. A região, que tecnicamente ainda faz parte da Sérvia, tem sido administrada pela comunidade internacional desde o fim da guerra, em 1999.As discussões em Viena são as mais importantes sobre o futuro de Kosovo desde a expulsão do exército sérvio da província por forças da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), em 1999.Elas estão sendo mediadas pelo enviado especial da Organização das Nações Unidas (ONU) Martti Ahtisaari. Os presidentes e primeiros-ministros da Sérvia e de Kosovo estarão presentes - é a primeira vez em que delegações de nível tão elevado se encontram desde o conflito.Ambos os lados devem apresentar suas visões sobre o futuro da província e chegar a um acordo sobre um cronograma de negociações.Maioria albanesaDurante os últimos meses, foram realizadas conversas com representantes dos dois lados sobre questões como a economia, mas o espinhoso assunto sobre o status de Kosovo foi evitado.A grande maioria da população de dois milhões de pessoas de Kosovo é composta por albaneses, que querem que a província se torne um estado independente. Os sérvios querem que Kosovo continue sendo uma parte da Sérvia.O desafio de Martti Ahtisaari é ajudar a apaziguar as diferenças. Ainda existe muita tensão entre as duas comunidades e recentemente a Otan reforçou sua presença na província.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.