Negociador de Israel terá 'conversa decisiva' no Egito

O Ministério da Defesa de Israel informou que o principal envolvido nos esforços por um cessar-fogo com o Hamas está seguindo para o Egito ainda nesta semana. Ele terá o que foi descrito por funcionários como "conversas decisivas". O Egito é um importante mediador no esforço pelo fim da violência, após 18 dias da ofensiva israelense na Faixa de Gaza. A decisão de Israel de enviar o funcionário do Ministério da Defesa Amos Gilad ao Egito pode ser vista como um sinal de progresso. Gilad adiou a viagem por dias, argumentando que a ocasião ainda não era a ideal. Funcionários da pasta disseram que, dependendo do que ocorra, Israel pode chegar mais perto de um cessar-fogo ou mesmo lançar uma nova fase na ofensiva. Eles falaram sob condição de anonimato. Inicialmente os funcionários disseram que Gilad viajaria amanhã, porém depois informaram que ele partirá na quinta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.