Efe
Efe

Nelson Mandela completa 91 anos com shows e homenagens

Aniversário do Nobel da Paz será lembrado na ONU e em um concerto que reunirá estrelas em Nova York

Efe e Reuters,

18 de julho de 2009 | 13h12

O ex-presidente da África do Sul e prêmio Nobel da Paz Nelson Mandela completa 91 anos neste sábado, 18. Ele receberá uma homenagem da ONU e, à noite, um concerto com artistas do mundo inteiro, que contará com a presença do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon. Para ele, "Nelson Mandela é a encarnação viva dos maiores valores das Nações Unidas."

 

Durante a homenagem ao político sul-africano, que também terá a participação da Fundação Mandela e 46664, ONG mantida pelo próprio homenageado, Ban deve subscrever a Carta dos Voluntários, que pede 67 minutos de trabalhos comunitários por Mandela.

 

O sul-africano, que foi eleito presidente em 1994, passou 27 anos preso sob o número 46664, foi líder da luta contra o regime racista chamado Apartheid e esteve à frente de uma transição pacífica na África do Sul para a democracia. Desde 1999, tem se dedicado à luta contra a Aids e pobreza que assolam o continente.

 

O show em homenagem será realizado em Nova York, com a presença de artistas como Aretha Franklin, Stevie Wonder e a primeira-dama francesa, Carla Bruni, que rompe o silêncio musical e se apresenta em público pela primeira vez desde seu casamento com o presidente francês Nicolas Sarkozy. Estrelas africanas também estarão presentes, entre outros. O cenário da festa será o City Music Hall.

Carla Bruni, a primeira-dama da França canta em homenagem a Mandela. Foto: Reuters

 

 

Matéria alterada às 23h15

Tudo o que sabemos sobre:
Nelson MandelaÁfrica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.