Netanyahu aproveita popularidade e antecipa prévias do Likud para janeiro

O primeiro-ministro israelense, Binyamin Netanyahu, decidiu aproveitar o bom momento político que atravessa e antecipou as prévias de seu partido, o Likud. As prévias, antes programadas para meados do próximo ano, ocorrerão em 31 de janeiro. Netanyahu busca a reeleição.

O Estado de S.Paulo

06 de dezembro de 2011 | 03h04

O premiê teve de lidar no meio do ano com uma série de protestos contra o alto custo de vida em Israel, mas sua firme oposição ao plano da Autoridade Palestina de obter o pleno reconhecimento na ONU rendeu-lhe pontos políticos. Depois de discursar na ONU, em setembro, sua aprovação saltou de 32% para 41%. O mandato de Netanyahu acaba em novembro de 2013. Ele já foi primeiro-ministro entre 1996 e 1999.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.